Páginas

15 de jul de 2018

Resenha: Máscara Facial Revitalizante Watermelon Korres



O último lançamento de máscaras faciais no folheto da KORRES foi a máscara revitalizante de melancia. Aproveitei uma promoção e resolvi comprar para testar pra vocês, pois gosto muito dos produtos da marca.

Descrição no site da marca: Máscara Facial Revitalizante
Hidrata e refresca imediatamente. Formulada com extrato de Melancia e Óleo da Semente de Macadâmia, esta máscara revigora a pele, deixando uma deliciosa sensação de frescor.

Como usar:
Aplique uma camada fina na pele do rosto e deixe agir por 10-15 minutos. Enxágue bem. Uso indicado de 2 a 3 vezes por semana.

Vamos falar agora sobre a embalagem do produto. Ele vem nessa bisnaguinha que eu acho bom porque o produto não entra em contato com as mãos e nem com o ar, mas odeio quando o produto está no finalzinho e a gente tem que fazer muito esforço pra tirar hahaha. Ela vem dentro dessa caixinha fofa aí. Os produtos da Korres são bem coloridinhos e simples assim. Então é bem ok,

O cheiro é uma delícia! Aquele cheiro que todo produto de melancia tem! Dá vontade de ficar com a máscara o dia inteiro só pelo cheiro! Eu achei bem forte, mas não chegou a me incomodar, eu gostei mesmo!

A textura é a de um gel/creme hidratante mesmo com algumas partículas que parecem ser sementes de melancia trituradas. A máscara é rosinha e não seca, pois a proposta é mesmo hidratar e refrescar a pele.

Minha opinião:
Cumpre o que promete. Pois assim que você passa a máscara, já consegue sentir sua pele refrescando. Depois de um tempo fica geladinha, então acredito que no verão deve ser uma delícia usá-la. É uma máscara agradável, pois não repuxa a pele, deixa a pele fresca e tem o cheiro maravilhoso! Depois de lavar senti minha bastante hidratada, então, é uma ótima máscara para ser usada naqueles dias em que a pele está seca e sem vida. O preço é bom, pois dá pra usar bastante vezes, então compensa.
Você pode encontrar para comprar com alguma revendedora Avon, pois a revista Korres vem junto, ou na internet mesmo. No site da marca custa 34,90, mas dá pra encontrar em sites de cosméticos ou mesmo na Lojas Americanas.

Conta aí, você já usou alguma máscara facial da marca? Qual foi sua experiência? Tem alguma dica de máscara facial que funcionou bem com você?




7 de jun de 2018

Dicas de presentes para o dia dos namorados

O dia dos namorados está chegando e você ainda não comprou o presente? O bom é planejar antes com calma e verificar em bastante lojas pra não errar no presente, mas se você é como eu, que deixa tudo pra última hora, aqui vão alguma dicas.

1 - Roupas/calçados


Clichê né?! Mas é o presente que eu mais dou hahahaha Pode ser blusa de frio, camisa, calça, bermuda, tênis, etc (só não vale meia! kkkkkk). Pra dar esse tipo de presente é bom que você saiba qual o tamanho seu namorado veste/calça e já ter reparado nos gostos dele. Ele é mais discreto? Gosta de cores berrantes? Blusas mais largas ou mais a conta? Que tipo de tênis ele usa?
Caso você não faça ideia do tamanho, você pode apostar em acessórios (caso seja o gosto dele), como bonés, colares, pulseiras, relógios, óculos etc.

2 - Perfume/kit de barbear


Quem aí ama homem cheiroso? hahahaha
Perfume é uma boa ideia, mas repare o tipo de perfume que ele costuma usar pra não errar na hora da compra. Se ele é do tipo que faz barba, você pode dar um kit com loção pós-barba, creme de barbear etc. E se ele mantém a barba, você pode dar um kit de cuidados com a barba.

3 - Chocolates


Se você está no início do namoro, chocolate é uma forma de não errar. Afinal, que não gosta de chocolate? Tem aqueles casos que a pessoa não pode comer muito, tem alergia ou não gosta muito, mas isso você provavelmente vai saber.

4 - Livros / Games / Objetos de fã


Se seu namorado gosta de ler, provavelmente ele já comentou com você algum livro que ele gostaria de ter, ou um mangá, caso ele seja otaku. Se ele gosta de jogos você pode presenteá-lo com um jogo também. Há também a opção de dar algum objeto relacionado com aquilo, por exemplo action figures de animes/jogos/filmes, ou acessórios, como camisa, caneca, colar, etc

5 - Itens personalizados 


Que tal uma caneca personalizada? Uma luminária, um porta-retrato com uma foto de vocês, uma almofada... uma vez eu ganhei uma caneca daquelas que aparece o desenho quando se coloca algo quente dentro, achei muito legal.

E aí, você já sabe o que dar para seu namorado? Conta aí nos comentários e divida suas experiências com a gente!

29 de mai de 2018

Resenha: hidratante facial Korres Pomegranate


Muitas brasileiras possuem a pele oleosa, mas o que muita gente não sabe é que mesmo a pele oleosa precisa de hidratação. Inclusive, uma pele hidratada passa a produzir menos óleo. Claro que devemos usar um hidratante facial adequado para o nosso tipo de pele, então vou dar uma opção para vocês de algo que eu estou usando ultimamente. É o gel-creme facial Korres Pomegranate.

Vamos começar falando sobre a embalagem do produto.
Esse potinho da imagem é nossa embalagem. Ela é de vidro e a tampa de plástico, o que é um pouco ruim por um lado, pois se cair pode quebrar, mas como é um vidro bem grossinho, acredito que seja menos sensível. Eu deixei cair uma vez de uma altura não muito grande e não aconteceu nada, mas ninguém quer testar isso né?! De qualquer forma, eu gosto da embalagem, pois é bem bonitinha e prática. Uma coisa que senti falta - e fica aí de sugestão para a marca - é ter uma espátula para que possamos pegar o produto sem colocar as mãos direto no creme para não contaminá-lo. 

Cheiro

Tem um cheirinho bem leve que não incomoda. Eu tenho rinite alérgica, então qualquer produto com o cheiro mais forte me incomoda muito. Esse não incomoda nada. É um cheiro levinho e gostoso que some depois que seca. Sinto um cheiro de pele limpa apenas. 

Descrição no site da marca

De textura leve e fresca, o Gel-Creme Hidratante é ideal para peles mistas e oleosas. Formulado com extrato de Romã (Pomegranate em inglês), que ajuda a reduzir a aparência dos poros abertos, equilibra a oleosidade, deixa a pele hidratada por mais tempo e adia as rugas.
O Romã é uma fruta completa: além de seu extrato rico em taninos, que ajudam a controlar a oleosidade, contém um mix poderoso de vitaminas e minerais que combatem os radicais livres, responsáveis pelo envelhecimento precoce. Resultado? Pele com poros menos aparentes e um efeito matte.

Como usar?
De acordo com a marca deve-se aplicar o produto no rosto e no pescoço, evitando a área dos olhos.
Ele possui ingredientes que combatem a oleosidade, como o ácido salicílico (ver abaixo), portanto é importante evitar a área dos olhos e olheiras, pois pode causar irritação. 
O produto rende bastante, pois pouca quantidade dá pra aplicar no rosto inteiro sem pesar.


Minha opinião

Ele realmente é um hidratante leve, por ter uma textura gel-creme, mas não é tão leve assim como diz a marca e nem fica matte, pelo menos na minha pele. Acho ideal para usar antes da maquiagem ou em dias que a pele está um pouco mais seca, como no inverno. A textura é um pouco peguenta, mas nada que incomode e dá um viço na pele, não de óleo, mas de hidratação, não fica aquela coisa seca. A pele absorve bem o produto e achei que dá uma equilibrada na oleosidade mesmo, quando uso sinto que a minha pele não sente necessidade de produzir óleo e fica ok o dia inteiro. É um creme que tenho gostado muito de usar e é de fácil acesso, pois quem é revendedora Avon (como eu), tem as revistas da Korres também.

Fatos da fórmula

81,42% de conteúdo natural + derivados 
NÃO Óleo Mineral 
NÃO Vaselina/parafina 
NÃO Silicones 
NÃO Parabenos 
NÃO Propileno Glicol 
NÃO Etanolaminas 
NÃO Polietilenoglicol 
NÃO Lauriléter Sulfato de Sódio 
NÃO Lauriléter Sulfato de Amônio 
NÃO Corante Sintético 
NÃO Ftalatos 
NÃO Almíscares Policíclicos 
NÃO Álcool Etílico 
NÃO Retinol 
NÃO Subprodutos animais 
NÃO Testado em animais 
SIM Fragrância 
SIM pH neutro para a pele

Ingredientes
AQUA/WATER; GLYCERIN; SIMMONDSIA CHINENSIS SEED OIL; C12-15 ALKYL BENZOATE; DICAPRYLYL CARBONATE; AMMONIUM ACRYLOYLDIMETHYLTAURATE/VP COPOLYMER;
DICAPRYLYL ETHER; MACADAMIA TERNIFOLIA SEED OIL; POTASSIUM CETYL PHOSPHATE; GLYCINE SOJA OIL; PHENOXYETHANOL; TOCOPHERYL ACETATE;
CAPRYLYL GLYCOL; PANTHENOL; ACRYLATES/C10-30 ALKYL ACRYLATE CROSSPOLYMER; EPILOBIUM FLEISCHERI EXTRACT; PARFUM/FRAGRANCE; CALENDULA OFFICINALIS FLOWER
EXTRACT; GLYCERYL STEARATE; SODIUM GLUCEPTATE; CYCLODEXTRIN; SALICYLIC ACID; SODIUM HYDROXIDE; PERSEA GRATISSIMA OIL; PUNICA GRANATUM FRUIT EXTRACT;
PHYTOSTEROLS; SODIUM HYALURONATE; OLEA EUROPAEA (OLIVE) FRUIT OIL; CITRIC ACID; POTASSIUM SORBATE; ROSMARINUS OFFICINALIS LEAF EXTRACT; TOCOPHEROL.

Preço e onde comprar

No site da marca ele está R$79,00. Mas também é possível encontrar por outros preços em outras lojas: Época Cosméticos: 69,50 - Lojas Americanas: 79,00 e com alguma revendedora Avon. Na campanha 11/2018, quando postei essa resenha, o produto está custando 59,90! Aproveite!

E você? Já usou algum produto da marca Korres? Conta pra gente nos comentários sua opinião!

26 de jan de 2018

Diário de viagem: Paraty - RJ

Uma época que a gente ama viajar é nas férias de verão, certo?! Eu amo o calor e então essa é a época que eu mais tenho disposição pra fazer qualquer coisa, e como estudante/professora, meu período de férias é sempre janeiro.
Foto muito turista numa ponte no centro histórico.

Esse ano decidi ir à praia. Depois de horas e horas pesquisando lugares diferentes para ir, pois aqui na minha região o povo só pensa em ir para Cabo Frio, decidi, junto com meu namorado, uma viagem para Paraty, RJ. Fomos no dia 15 de janeiro (segunda) e voltamos dia 19 (sexta), gostaria de ter planejado melhor a viagem para aproveitar e conhecer mais lugares, e queria poder ficar mais dias também, pois lá tem bastante coisa, e por isso estou louca para voltar naquele paraíso!
Bem, sem mais enrolações, vou explicar melhor como foi a viagem para vocês!

Hospedagem

Vista da pousada
Nós decidimos procurar por uma pousada no Booking, e após encontrarmos a pousada que melhor nos atenderia e por um custo que conseguíamos pagar, fizemos nossa reserva e tudo ocorreu super bem. Pagamos a metade do valor ao fechar o negócio e a outra metade quando chegamos à pousada. Amei o lugar que ficamos, apesar de ser um pouco longe de tudo, o café da manhã eram ótimo, fomos super bem atendidos, e o lugar e os outros hóspedes eram bem tranquilos. 
Nós escolhemos um lugar mais afastado, a 10km do centro histórico, mas lá mesmo (no centro) há várias e várias pousadas e hotéis de vários preços que você pode reservar. Mas se você está indo com a intenção de ir à praia mesmo, recomendo ficar numa pousada na Vila de Trindade, um distrito que fica a mais ou menos 30km do centro de Paraty. Lá tem as mais belas praias e compensa mais ficar hospedado por lá. Eu por exemplo, fui 3 dias nas praias de lá, então levava uns 40 minutos todos os dias para chegar e a estrada tem muitas curvas, então pra economizar na gasolina e no estacionamento, recomendo procurar uma hospedagem em Trindade.

Centro Histórico de Paraty

Centro Histórico de Paraty
Depois de quase 6 horas de viagem, chegamos na cidade e fomos ao centro histórico. O Anderson (meu namorado, pra quem não sabe) estava cansado por dirigir e como já era um pouco tarde, não quisemos procurar as praias. Fomos lá no último dia também, já que queríamos ir embora mais cedo, pois a viagem era longa.
O Centro Histórico, considerado pela UNESCO como "o conjunto arquitetônico colonial mais harmonioso" é Patrimônio Nacional tombado pelo IPHAN.

Essa sacadinha onde estou é na casa da cultura.
As ruas são feitas de pedra e é bem difícil de andar, por isso recomendo que você vá de tênis. Eu fui de sapatilha, mas usei uma bem confortável, então não tive muitos problemas. Lá tem casinhas brancas com janelas coloridas, luminárias que imitam lamparinas, lojinhas e cafés que são uma gracinha e barquinhos coloridos no porto.


Não chegamos a presenciar o fenômeno da maré alta no centro histórico, mas dizem que ela entra pelas ruas de pedra e tudo fica alagado por lá. Nossos colonizadores projetaram as ruas para que o mar levasse embora todos os lixos e dejetos das pessoas da cidade, já que na época não existia rede de esgoto.


Como toda cidade histórica, lá é cheio de igrejas e elas são bem simples. E também tem a Casa da Cultura, com várias exposições de arte. Ah! E se você curte bebidas alcoólicas, não deixe de provar a famosa cachaça Gabriela, feita com gengibre e canela. Eu provei e achei ótima! Trouxe pra casa um licor de milho verde, por ser mais doce e suave. Paguei 24 reais numa garrafa de 250ml.

Praia do Pontal

Praia do Pontal
Lá no centro mesmo, você pode caminhar até a Praia do Pontal. Ficamos por lá no primeiro dia, mas não entramos na água. Dizem que ela é suja e bem, vimos bastante lama por lá mesmo, mas é um lugar agradável para ficar na areia. Também caminhamos no pontal, um lugar feito de grandes pedras e que eu achei um pouco difícil de andar. Lá perto também tem a Praia de Jabaquara, mas não a visitamos.

Pontal

Praias de Trindade

A vila é afastada, com uma estrada cheia de curvas, mas é um lugar que vale muito a pena conferir! Tem diversas praias com a água cristalina e uma vila bem pequena com várias lojinhas e restaurantes. 

Mapa de Trindade

Paramos o carro na Praia do Cepilho, e fomos caminhando pelas praias conhecendo cada pedacinho daquele paraíso. Logo, vinha a praia de Fora e depois a Praia dos Ranchos. Lá, pagamos 30 reais por pessoa para andar na tal da banana. Foi uma experiência louca pra mim! De risos e lágrimas! Tenho muito medo de água e não sei nadar, nem boiar e só da água chegar no meu pescoço já começo a entrar em pânico, mas resolvi ir... Assim que subimos, um último cara que foi subir, acabou fazendo a banana virar e eu rodei uns 360 graus dentro da água e fiquei desesperada me afogando, até que meus pés tocaram o chão, botei a cara pra fora e meu namorado veio me acalmar! hahaha comecei a chorar e falei que não ia mais, e o moço me sugeriu ir com ele no Jet ski, já que era isso que puxava a banana. Fui então e o passei foi super tranquilo, com direito a uma parada em alto mar para que quem quisesse, pudesse mergulhar (de colete salva-vidas). Fiquei quieta no jet ski, mas o Anderson pulou e disse que foi uma ótima sensação. No fim, o passeio valeu a pena, apesar do susto!

Praia do Cepilho
Daí fomos para a Praia do Meio, onde tem bem menos ondas e é o melhor lugar pra se molhar! Foi o lugar que mais gostei por lá e foi onde mais ficamos.

Praia do Meio
Em seguida, tem uma trilha pequena que sai na Praia do Caixa D'Aço, onde tem ondas bem fortes e é apropriado para surfistas. Só passamos por lá para pegar uma trilha maior, de uns 20 minutos, mas cheia de pedras, barro e lugares bem íngremes, que chegava na Piscina Natural.

Peixinhos na Piscina Natural
O lugar é lindo, tem as águas mais paradinhas, super transparentes, cheio de peixinhos, mas no dia que fomos estava lotado! Ainda assim, é um lugar que vale a pena conferir!


Praia do Sono 

Praia do Sono
Indo para a Vila de Trindade, a estrada se corta e fomos em direção ao Condomínio Laranjeiras. Paramos o carro na Vila do Oratório e pegamos uma trilha de 1 hora e 20 minutos mais ou menos até a Praia do Sono. Era uma trilha bem tranquila, só era longa e chegamos bem cansados à praia. 

Vila das Laranjeiras
É um local de mar aberto, com correntezas bem fortes, cheio de bandeirinhas de perigo ao longo da praia, então acabamos nem entrando no mar, até porque estava muito quente, e nem dava pra andar na areia, pois os pés queimavam demais! Ficamos nas sombras das árvores aproveitando a paz. A praia estava bem vazia e parecia um lugar paradisíaco. Pra quem não gosta de trilha, dá pra acessar a pria por barco também. Foi o que fizemos na volta. Foi 30 reais por pessoa e andamos uns 15 minutos no barquinho, que parou no condomínio Laranjeiras (onde só tem casas de rico mesmo, mansões enormes), veio uma kombi nos buscar, sem custo adicional e nos levou até o início da Vila do Oratório, onde andamos até o carro.

Praia Grande (só tinha barcos e era de frente para a pousada)

O que fizemos foi só isso, mas espero ter a oportunidade de visitar Paraty novamente. Quero muito conhecer Paraty-Mirim, as outras inúmeras praias, fazer um passeio de escuna... Ah, e quero conhecer as cachoeiras também! Não fomos pois na minha região tem cachoeira demais, então queríamos mesmo era o mar, mas na próxima quero visitar a cachoeira do tobogã, que tem uma pedra que dá pra escorregar hahaha. 

Alguém aí conhece esse paraíso e tem alguma dica? Quer conhecer e tem alguma dúvida? Conta aí nos comentários! Vou adorar ler!

20 de fev de 2017

Resenha: Livro do Bem 2



Publicado pela editora GUTENBERG, o livro “O Livro do Bem 2 - Para se aventurar e ver o mundo com outros olhos” é um desses livros interativos com vários desafios, frases e desenhos super divertidos e criativos num caderno laranja. Criado pela Ariane Freitas e a Jessica Grecco do Indiretas do Bem. Se quiser entender melhor, saber o que eu penso sobre ele e decidir se vale a pena comprar, continue a leitura do post!


"Esse é um livro cheio de aventuras, mas com aquele toque de amor e motivação para realizar os sonhos, porque a gente sabe que às vezes faz falta um empurrãozinho no meio da luta diária. Além de explorar o que você sente, convidamos você a sair da zona de conforto e observar o mundo à sua volta, seja viajando, seja conhecendo sua cidade, seja tomando coragem para conhecer as pessoas e as coisas que estão por perto e que você nem sempre nota. Este é um livro sobre viagens – dentro e fora do seu coração. É um mapa para as coisas pequenas e especiais da vida. Cada minuto que você dedicar a ele tornará sua visão de mundo ainda mais ampla e especial. Mas ele só vai te mostrar os caminhos se você topar embarcar nesta loucura, fazendo-o seu de verdade. Com frases e reflexões, ilustrações fofinhas, fotos e tarefas que fazem a gente sentir vontade de largar tudo e ir viajar na hora, além de playlists para embalar os dias... E aquela carinha de diário que ajuda tanto na hora de abraçá-lo e fazer as atividades como se fosse seu melhor amigo. Nunca se esqueça de coloca-lo na bolsa! E fica aqui um convite: fotografe e publique tudo o que você fizer no seu Livro do Bem nas redes sociais com tag #livrodobem. Porque o que é do bem merece ser compartilhado!"


Falando sobre os aspectos físicos, a capa do livro parece com a do Livro do bem 1 (que eu também tenho), mas é toda laranja neon. O papel é aquele mais escuro, bege (não sei o nome!) Tem vários desenhos, frases, fotos, páginas para colorir, playlists de músicas super legais...  e tem ao todo 192 páginas.




O livro é muito legal e divertido. É um ótimo passatempo para aqueles dias que a gente tá na bad e não quer ver ninguém e nem fazer nada. Pra quem tem ansiedade - como eu - é um ótimo livro de autoajuda, pois assim como o livro 1, que eu gostei bastante, ele acaba ajudando a gente a se conhecer mais quando pensamos nas respostas, ajuda a acalmar colorindo, tem frases lindas... enfim, é tudo de bom, assim como o primeiro! 
O meu eu adquiri pela Saraiva, por R$17,90. 

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
♥Layout desenvolvido por por Marcella Kovacs todas as artes foram feitas por mim, exclusivas para o blog A GAROTA E O TEMPO. © 2013 • Powered by Blogger • Todos os direitos reservados • Melhor Visualizado no Google Chrome • NÃO COPIE PARCIAL OU TOTALMENTE O LAYOUT. Topo